quinta-feira, 18 de abril de 2024
publicidade publicidade

PGR pede que oficiais da PMDF percam seus cargos

Hoje (18) cedo, a Polícia Federal foi às ruas do Distrito Federal cumprir os mandados de prisão e de busca e apreensão

A Procuradoria-Geral da República pediu a prisão do coronel Klepter Rosa Gonçalves, atual comandante da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), e de mais seis oficiais por omissão no 8/1, quando vândalos invadiram e destruíram os prédios da Praça dos Três Poderes. Além disso, pediu também o bloqueio de bens e o afastamento das funções públicas de oficiais

Os oficiais investigados também foram denunciados ao Supremo Tribunal Federal (STF). O subprocurador-geral da República Carlos Frederico Santos acusa os oficiais por omissão, pois acredita que os sete policiais que integravam a cúpula da PMDF poderiam ter agido para evitar as invasões.

Logo no começo da manhã desta sexta-feira (18), a Polícia Federal foi às ruas do Distrito Federal cumprir os mandados de prisão e de busca e apreensão. Confira os alvos:

Coronel Fábio Augusto Vieira, ex-comandante-geral da PMDF;

Coronel Klepter Rosa Gonçalves, atual comandante da PMDF;

Coronel Jorge Eduardo Naime Barreto, ex-comandante do Departamento de Operações;

Coronel Paulo José Ferreira de Sousa Bezerra;

Coronel Marcelo Casimiro Vasconcelos Rodrigues, ex-chefe do 1º Comando de Policiamento Regional da PMDF;

Major Flávio Silvestre de Alencar;

Tenente Rafael Pereira Martins.

Por Camila Bairros do Jornal de Brasília

Foto: PF / Reprodução Jornal de Brasília

Posts relacionados