terça-feira, 18 de junho de 2024
publicidade publicidade

Parque da Cidade vai ganhar um playground inclusivo

De última geração, o espaço no Parque da Cidade terá piso emborrachado, brinquedos e pinturas para guiar os visitantes

O Parque da Cidade Sarah Kubitschek vai ganhar um playground público inclusivo. A convite do secretário de Esportes de Curitiba, Carlos Pijak, o titular da Secretaria de Esporte e Lazer do DF (SEL), Julio Cesar Ribeiro, foi até a capital paranaense conhecer as instalações do projeto Parquinho Positivo, localizado no Parque Barigui.

Julio Cesar explica que o intuito é implementar na capital federal um parque semelhante e de última geração, com piso emborrachado para garantir a segurança das crianças, brinquedos inclusivos e pinturas devidamente estudadas para suas funções, para guiar os usuários dentro do espaço.

“Esse intercâmbio esportivo é muito importante para a troca de experiências entre os poderes públicos dos estados. O que vimos nesta visita foi uma estrutura inovadora. Nós queremos levar um parque inclusivo e pensado para crianças de várias idades, e ao mesmo tempo possibilitar que todas usufruam do espaço da mesma forma, com segurança e proteção”, afirma.

“O local para a implementação é convidativo, democrático, com muito verde, ideal para encontros de família, de amigos e de gente de todo lugar. Um dos objetivos é incentivar a interação com o próximo e promover o bem-estar, e claro respeitar um dos tempos mais preciosos para as crianças, que é o de brincar”, completa o secretário de Esporte e Lazer ao falar sobre as qualidades do Parque da Cidade.

O Parque Positivo em Barigui tem 13 brinquedos, sendo três inclusivos, com piso emborrachado e acesso em rampa. Um desenho de piso emborrachado com manchas em tons de azul e laranja delimita e setoriza várias opções de brincar: com circuito sinuoso de cordas, floresta de tronquinhos, geodésia, pula-pulas, carrossel e disquinho de molas, escorregador, gangorra, gira-gira e balanços. Ao redor do espaço foram instalados bancos para dar maior conforto aos pais, que podem se sentar e observar os filhos brincando e se divertindo.

Com informações da Agência Brasília

Por Redação do Jornal de Brasília

Foto: Secretaria de Esporte e Lazer/ Divulgação / Reprodução Jornal de Brasília

Posts relacionados