sábado, 20 de abril de 2024
publicidade publicidade

Ouvidoria da UnDF finaliza formação pela Ouvidoria-Geral do DF

Setor da universidade realiza atendimentos presenciais, por telefone e e-mail, além das plataformas: Sistema OUV-DF e e-SIC

A Ouvidoria é o canal de comunicação entre as instituições pertencentes ao poder público e a sociedade civil organizada. Na Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes (UnDF), ela se constitui como um espaço estratégico, humanizado e democrático de comunicação interna e externa que visa o fortalecimento dos mecanismos de cidadania, a partir dos princípios da transparência, da equidade, da responsabilidade colaborativa, da acessibilidade e da humanização.

A Ouvi|UnDF trabalha, neste momento, na produção da Política de Humanização da Universidade, um importante mecanismo para consolidação da Política de Educação Superior Pública Distrital

Este espaço da UnDF tem a função de receber manifestações que podem ser classificadas em: reclamações, solicitações, informações, sugestões, elogios e denúncias, mas ela vai além disso. A Ouvi|UnDF tem como função garantir a imparcialidade na resolução dos problemas e mediação de conflitos, pautada na eficiência e transparência dos atos públicos e alicerçada nos princípios éticos e morais da instituição.

Partindo dos índices alcançados pela UnDF e publicizados pelo Painel de Dados da Ouvidoria-Geral do Distrito Federal em 2022, o índice de satisfação com o serviço da Ouvidoria foi de 52% e o índice de recomendação de 57%. Dessa forma, os dados refletem o importante papel que as ouvidorias públicas desempenham de ação democrática, envolvendo os direitos à cidadania, a participação coletiva e a melhoria de um serviço para o bem comum de todos.

A Ouvi|UnDF trabalha, neste momento, na produção da Política de Humanização da Universidade, um importante mecanismo para consolidação da Política de Educação Superior Pública Distrital. O propósito é favorecer o desenvolvimento de uma consciência crítica e cidadã que dissemine valores e atitudes práticas que assegurem a promoção do cuidado individual e coletivo no espaço universitário. Nessa proposta, o olhar para o outro é de que as pessoas não são, mas estão sempre renovando e criando a sua história por meio das relações sociais, políticas, culturais e afetivas.

Este trabalho preconizado no Regimento Geral da UnDF será operacionalizado em parceria com a Diretoria de Assistência Estudantil e Humanização (DIAE), que atua nas frentes de trabalho referentes aos seguintes eixos: Moradia, Transporte e Alimentação para os estudantes da UnDF e Escolas Superiores integradas à instituição, bem como das bolsas de iniciação científica, que também estão em fase de desenvolvimento em parceria com a Ouvi|UnDF.

A Ouvi|UnDF publica, no site oficial da universidade, relatórios trimestrais e anuais, carta de serviços, plano de ação, destacando projetos desenvolvidos ao longo do ano. Até o momento, desde a sua recente concepção, que envolve a participação e formação continuada em cerca de 25 cursos, a Ouvidoria da UnDF já produziu três relatórios.

Canais de atendimento da Ouvidoria UnDF
➔ Internet:
O cidadão poderá registrar suas manifestações na plataforma Participa DF e, para acompanhar, basta ter a senha de acesso ao sistema recebida no ato do registro da manifestação e número do protocolo em mãos.
➔ Telefone: 162 é a central de atendimento do GDF exclusiva e gratuita para assuntos da Ouvidoria.
➔ Presencial: Campus Norte

Quais são os tipos de manifestação?
● Reclamações
● Denúncias
● Sugestões
● Elogios
● Informações

Quais são os requisitos e documentos necessários para manifestação do cidadão?
➔ Registro Identificado: apresentação do documento de identificação válido (carteira de identidade, CPF, CNPJ, título de eleitor, passaporte, carteira de trabalho, carteira funcional, CNH (modelo novo) e certificado de reservista).
Possibilidade de sigilo conforme Art. 23, Inciso I, do Decreto nº 36.462/2015.
➔ Registro Anônimo: haverá análise preliminar para confirmar se os fatos apresentados são verdadeiros.

*Com informações da UnDF

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/UnDF / Reprodução Agência Brasília

Posts relacionados