quinta-feira, 18 de julho de 2024
publicidade publicidade

Após tumulto, sindicato suspende desconto nos salários de servidores do DF

De acordo com o diretor do Sindser, André Luiz, o desconto foi apenas aprovado e não chegou a ser debitado sobre a remuneração dos servidores

Após confusão, o Sindicato dos Servidores e Empregados da Administração Direta, Fundacional, das Autarquias, Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista do Distrito Federal (Sindser) decidiu suspender o desconto de 1% nos salários dos funcionários públicos do Governo do Distrito Federal (GDF).

A decisão ocorre após diversos servidores contrários ao desconto se manifestarem em frente ao Sindser, no Conic, ontem (09), apresentando declarações que desautorizavam o pagamento. A contribuição assistencial foi aprovada no último dia 3.

Segundo os servidores, a assembleia em que ocorreu a aprovação não foi amplamente divulgada. Além disso, a classe ainda se queixa que o sindicato teria dado um prazo muito curto para a apresentação das declarações de desautorização.

De acordo com o diretor do Sindser, André Luiz, o desconto foi apenas aprovado e não chegou a ser debitado sobre a remuneração dos servidores.

Por Redação do Jornal de Brasília

Foto: Reprodução Jornal de Brasília

Posts relacionados