sábado, 20 de julho de 2024
publicidade publicidade

40% dos motoristas do DF são mulheres

Quando o assunto é acidente de trânsito a proporção de participação do sexo feminino é muito inferior

Em 2022, as mulheres representavam 40% dos motoristas do Distrito Federal, sendo 734.565, segundo a Gerência de Estatística do Departamento de Trânsito do DF (Detran).

Mesmo somando 40% dos motoristas do DF, quando o assunto é acidente de trânsito a proporção de participação do sexo feminino é muito inferior. No ano passado, 373 condutores estiveram envolvidos em acidentes fatais. Desse total, cerca de 8,3% (31) eram mulheres, 86% (321) eram do sexo masculino e 5,7% (21) não foi informado o sexo do condutor.

O Diretor-geral do Detran-DF, Marcelo Portela, destaca a prudência das mulheres no trânsito: “os números reforçam o quanto a mulher é prudente no trânsito. Ao observar a postura dos condutores em geral, percebemos que as mulheres dirigem com mais atenção e respeitam muito mais as normas de trânsito, gerando com isso um trânsito harmônico e seguro para todos os usuários.”

Dados estatísticos

Considerando os dados de vítimas fatais, das 282 pessoas que morreram no trânsito em 2022, 45 eram do sexo feminino, o que corresponde a 16% do total de óbitos. Os dados indicam ainda que, entre as mulheres vítimas fatais, cerca de 40% (18) eram pedestres, 37,9% (17) eram passageiras, 13,3% (6) condutoras, 4,4% (2) motociclistas e 4,4% (2) ciclistas.

Por Redação do Jornal de Brasília

Foto: Reprodução Jornal de Brasília

Posts relacionados