quarta-feira, 19 de junho de 2024
publicidade publicidade

Novo Carro da Vacina reforçará ações de imunização em três regiões

Entrega do veículo integrou a programação do Dia da Saúde; foco serão atividades em Ceilândia, Sol Nascente/Pôr do Sol e Brazlândia

A Região de Saúde Oeste – que engloba as regiões administrativas de Ceilândia, Brazlândia e Sol Nascente/Pôr do Sol – ganhou reforço para a imunização da população. A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) ativou, no sábado (5), mais um veículo para ser usado como Carro da Vacina. O projeto, iniciado em 2022, já aplicou mais de 50 mil doses em ações itinerantes.

“Vamos intensificar as ações de busca ativa para ampliar a cobertura vacinal da nossa população contra as doenças imunopreveníveis”, afirmou a secretária de Saúde, Lucilene Florêncio. A entrega ocorreu durante evento do Dia da Saúde, promovido pela secretaria no Parque da Cidade.

Inicialmente com foco na aplicação de vacinas contra a covid-19, o projeto do Carro da Vacina nasceu em Ceilândia e, posteriormente, foi replicado em outras regiões administrativas, com ações em Planaltina, Gama, São Sebastião, Sol Nascente, Água Quente, Guará e Plano Piloto. “Com o carro que temos atualmente temos dificuldade de chegar às regiões mais vulneráveis. Agora, vamos poder ir de casa em casa”, celebra a chefe do Núcleo de Vigilância Epidemiológica e Imunização da Região Oeste de Saúde, Zildene Bittencourt.

A estratégia do Carro da Vacina é circular por áreas identificadas como de baixa cobertura vacinal. Com um megafone, os servidores anunciam a chegada da equipe de vacinação e fazem pausas nas ruas para que os moradores tenham tempo suficiente para pegar documentos de identificação e cartões de vacina em suas casas. Também são vacinadas pessoas que passam pela área. Catadores de materiais recicláveis, vendedores ambulantes, acamados e pessoas sem meios para irem até uma unidade de saúde para se vacinar estão entre os beneficiados pela iniciativa da Secretaria de Saúde.

“Vamos intensificar as ações de busca ativa para ampliar a cobertura vacinal da nossa população contra as doenças imunopreveníveis”Lucilene Florêncio, secretária de Saúde do Distrito Federal

Agora, o plano dos servidores da pasta é manter a oferta de vacinas contra a covid-19 e gripe, mas também levar a bordo do veículo os demais imunizantes previstos no calendário de vacinação. “Ações em feiras, shoppings e parques, por exemplo, são fundamentais para as campanhas. Porém, quando passamos de casa em casa, as pessoas estão com os cartões de vacina das crianças, o que permite ampliar todas as coberturas”, acrescenta Zildene Bittencourt.

Otimização de recursos

O Carro da Vacina também é um exemplo de reaproveitamento de recursos. Com o recebimento de 21 novas ambulâncias para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), repassadas pelo Ministério da Saúde, em 2022, as unidades antigas em melhor estado de conservação e menor quilometragem são reaproveitadas para outras atividades. É o caso do veículo entregue à Região Oeste de Saúde.

“Fizemos toda a readequação da parte interna, com a retirada dos itens da ambulância, e montamos ali o consultório. Também foi feita toda a parte de revisão mecânica”, diz o gerente substituto de Transportes da Secretaria de Saúde, Massilon Figueiredo Júnior. O veículo também foi adesivado como “Consultório de Rua”, uma vez que também será utilizado pelas equipes que fazem atendimento a pessoas em situação de rua, de segunda a sexta-feira. O trabalho como Carro da Vacina é realizado aos sábados.

*Com informações da Secretaria de Saúde do Distrito Federal

Por Agência Brasília

Foto: Tony Winston/Agência Saúde-DF / Reprodução Agência Brasília

Posts relacionados