sexta-feira, 19 de julho de 2024
publicidade publicidade

Com 88% contra, enquete oficial sobre PL Antiaborto alcança 1 milhão de votos

Até a tarde deste domingo (16/6), mais de 1,052 milhão de votos foram contabilizados no site da Câmara dos Deputados

A enquete sobre o PL Antiaborto (PL 1904/2024), aberta no site da Câmara dos Deputados em 17 de maio, alcançou um milhão de votos. Até a tarde deste domingo, mais de 1,052 milhão de pessoas tinham expressado sua opinião — sendo a maioria contrária ao texto.

Exatos 88% dos votantes afirmaram discordar totalmente do PL, que tem como proposta equiparar o aborto depois de 22 semanas de gestação ao crime de homicídio, mesmo que seja uma gravidez derivada de um estupro.

“Esse PL misógino tenta criminalizar mulheres que recorrem à interrupção da gravidez como último recurso. O aborto é uma questão de saúde pública e não religiosa. As mais penalizadas são as mulheres pobres, que não dispõem de recursos para pagar clínicas seguras”, comentou Sonia W Maluf no site da Câmara.

Por sua vez, 12% das pessoas concordam totalmente com o projeto. “[O PL] Impede assassinato de bebês/fetos por causa de um crime não cometido por eles”, opinou Daniel Pinto, também no site da Casa.

Votos que concordam ou discordam em parte do PL e indecisos não alcançaram 1%.

Na quarta-feira (13/6), a Câmara aprovou a tramitação do projeto em regime de urgência. Agora, em vez de passar pela análise das comissões temáticas, o PL será votado direto no plenário. Lideranças deverão discutir com o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), como será a tramitação do texto na terça-feira (18/6).

Por Isabela Stanga do Correio Braziliense

Foto: Nelson Almeida / AFP / Reprodução Correio Braziliense

Posts relacionados